Preços mais firmes para o milho em novembro

Os preços do milho firmaram no mercado interno, com o produtor focado na semeadura da safra 2018/2019 (reta final) e menor oferta do cereal no mercado interno. Do lado da demanda, foi verificada uma maior movimentação na comparação com outubro.

Segundo levantamento da Scot Consultoria, a saca de 60 quilos está cotada entre R$36,00 e R$37,00 na região de Campinas-SP, frente a negócios em até R$34,00 - R$35,00 por saca ao longo de outubro último. Considerando a praça de São Paulo, atualmente é possível comprar 4,05 sacas de milho com o valor de uma arroba de boi gordo.
 
O recuo no preço do cereal foi maior que a queda registrada para os animais terminados. Desta forma, a relação de troca melhorou 1,4% em novembro, na comparação mensal. Ainda assim, o poder de compra do pecuarista em relação ao alimento concentrado piorou 11,9% na comparação com novembro do ano passado, o equivalente a meia saca de milho a menos adquirida com o valor de uma arroba de boi gordo.
Em curto e médio prazos, a expectativa é de mercado mais firme, em função do menor interesse do vendedor em negociar. Vai depender também do dólar, clima e situação das lavouras de verão no país.

mais
Notícias
do setor

ANP: etanol recua em 17 estados e DF; preço médio recua 0,51% [...] 18 de Fevereiro 2019

Os preços do etanol hidratado recuaram nos postos de 17 Estados e do Distrito Federal na semana passada, segundo levantamento da Agência Nacional [...]

ler mais

Mercado reduz projeção de crescimento da economia para 2,48% [...] 18 de Fevereiro 2019

A projeção de instituições financeiras para o crescimento da economia, este ano, foi levemente reduzida. A estimativa para a [...]

ler mais

Setor de cana se recupera em AL depois de registrar pior safra [...] 18 de Fevereiro 2019

A seca dos últimos anos afetou a produção de cana-de-açúcar em Alagoas. É a principal cultura do estado. Mas, agora, [...]

ler mais

Anfavea diz recomendar que governo não aumente mistura de [...] 18 de Fevereiro 2019

A Associação Nacional dos Fabricantes de Veículos Automotores (Anfavea) recomendou ao governo que não aumente o teor de biodiesel [...]

ler mais

Açúcar sobe forte com petróleo e ainda não indica firmeza [...] 18 de Fevereiro 2019

O açúcar encerrou a semana saindo do ponto de resistência que vinha encontrando abaixo dos 12 c/lp, sustentado pelo petróleo que [...]

ler mais

Açúcar valoriza 58 pontos em Nova York 18 de Fevereiro 2019

Na sexta-feira (15) os contratos futuros do açúcar registraram forte alta na bolsa de Nova York. Os contratos com vencimento para março/19 [...]

ler mais

@ 2019 Agronegócios Copercana Todos os direitos reservados