Café: Aumento da umidade favorece floração

As chuvas no início de outubro foram suficientes para estimular a abertura das flores nos cafezais de arábica na maior parte das regiões produtoras acompanhadas pelo Cepea. O evento era bastante aguardado pelo setor, uma vez que as primeiras flores, que abriram precocemente no final de agosto, foram afetadas pelo clima seco em setembro. Quanto ao mercado físico, apesar da recuperação das cotações externas e internas no final da semana passada, a grande expectativa do setor com as floradas no Brasil nos últimos dias manteve agentes retraídos do mercado, e a liquidez interna segue baixa.
Quanto ao robusta, produtores do Espírito Santo seguem animados com a próxima temporada, já que, segundo agentes consultados pelo Cepea, as chuvas do início de outubro foram benéficas para a variedade, auxiliando o pegamento das flores e o desenvolvimento dos “chumbinhos”. Na Bahia e em Rondônia, as lavouras estão na fase de “chumbinho”, e o clima segue favorável para a produção. No mercado físico, vendedores seguem retraídos e as negociações estão em ritmo lento.
As chuvas no início de outubro foram suficientes para estimular a abertura das flores nos cafezais de arábica na maior parte das regiões produtoras acompanhadas pelo Cepea. O evento era bastante aguardado pelo setor, uma vez que as primeiras flores, que abriram precocemente no final de agosto, foram afetadas pelo clima seco em setembro. Quanto ao mercado físico, apesar da recuperação das cotações externas e internas no final da semana passada, a grande expectativa do setor com as floradas no Brasil nos últimos dias manteve agentes retraídos do mercado, e a liquidez interna segue baixa.
Quanto ao robusta, produtores do Espírito Santo seguem animados com a próxima temporada, já que, segundo agentes consultados pelo Cepea, as chuvas do início de outubro foram benéficas para a variedade, auxiliando o pegamento das flores e o desenvolvimento dos “chumbinhos”. Na Bahia e em Rondônia, as lavouras estão na fase de “chumbinho”, e o clima segue favorável para a produção. No mercado físico, vendedores seguem retraídos e as negociações estão em ritmo lento.

mais
Notícias
do setor

O agro é forte 24 de Setembro 2018

O setor agro sempre nos enche de orgulho. Produz riqueza, gera emprego e contribui para a sustentabilidade ambiental. O agro brasileiro contribuiu com 23,5% do [...]

ler mais

Lucratividade e Produtividade resultam de mudas de [...] 24 de Setembro 2018

Nos dias 24 e 25 de outubro em Ribeirão Preto a Mackensie Agribusiness através de seu Programa de Capacitação Qualificada apresenta [...]

ler mais

Cresce competitividade do etanol 24 de Setembro 2018

Dados da Agência Nacional do Petróleo, Gás Natural e Biocombustíveis (ANP) compilados pela União da Indústria de [...]

ler mais

Brasil é o 3º maior exportador agrícola 20 de Setembro 2018

Dados da Organização das Nações Unidas para Alimentação e Agricultura (FAO), divulgados no início da semana, [...]

ler mais

Pesquisadores querem Europa 100% agroecológica 20 de Setembro 2018

Os pesquisadores franceses Pierre-Marie Aubert e Xavier Poux afirmaram em uma conferência realizada em Paris, na semana passada, que a agricultura [...]

ler mais

Após três quedas consecutivas, açúcar volta a subir nas [...] 20 de Setembro 2018

Os contratos futuros do açúcar voltaram a subir nos mercados internacionais nessa quarta-feira (19), após três pregões de [...]

ler mais

@ 2018 Agronegócios Copercana Todos os direitos reservados