Cooperativismo financeiro em expansão

Por: Leandro Martins – assessoria de imprensa da Sicoob Cocred


A Cocred, 2ª maior cooperativa financeira do Sicoob (Sistema de Cooperativas de Crédito do Brasil) e 3ª maior do País, fechou o ano de 2018 com chave de ouro. Isso não apenas por ter alcançado grandes conquistas durante o período, como os R$ 3,4 bi em ativos, mas também por ter chegado à marca de 30 filiais, com a inauguração de sua mais nova agência na cidade de Ribeirão Preto/SP.

Por ser considerada uma das mais ricas economias do Brasil – 24º maior PIB nacional e a 6ª posição do PIB do Estado de São Paulo, a cidade proporciona grande potencial para segmentos diversos, em especial à Cocred e seu projeto de expansão. Expansão, aliás, que acompanha também o crescimento do Sicoob, o maior de seu segmento em fronteiras nacionais. “Além de ter ultrapassado a marca de R$ 100 bilhões em ativos, o sistema também atingiu em 2018 4,5 milhões de cooperados, 2,8 mil pontos de atendimento e 260 municípios com atendimento exclusivo Sicoob”, destaca Gabriel Jorge Pascon, diretor de Negócios da Sicoob Cocred.

Com atendimento humanizado, ferramentas digitais premiadas e reconhecidas pelo mercado, além de taxas diferenciadas nos empréstimos e financiamentos, a Sicoob Cocred oferece produtos financeiros sob medida como Consórcios, Cobrança, Cartões, Consignados, BNDES, maquininha de cartões (Sipag), entre outros. “Também temos uma equipe de profissionais qualificados que assessoram nossos cooperados para decisões mais assertivas, o que nos fez atingir a marca de R$ 2,2 bilhões em operações de crédito e um ativo total de R$ 3,4 bilhões com uma carteira diversificada que envolve pessoas físicas e jurídicas de todos os segmentos”, informa Pascon.

A nova agência nasceu com a filosofia de oferecer os melhores serviços financeiros da Sicoob Cocred para Ribeirão Preto. O espaço é confortável e foi planejado para atender a todos que buscam soluções financeiras de qualidade, seja no atendimento pessoal, com os gerentes, ou por meio dos canais de comunicação digitais. Além disso, o projeto de expansão da cooperativa para 2019 ainda contempla novas agências em Marília, São José do Rio Preto e Monte Alto, que deverão ser inauguradas no primeiro semestre, com expectativa de aumentar a base de cooperados dos atuais 36 mil para 50 mil até o fim de 2020.

“Para 2019, a estratégia é estarmos cada vez mais próximos de nossos cooperados, entendendo as especificidades de cada um, fazendo com que recebam as melhores consultorias para ajudá-los a transpor desafios, viabilizando seus objetivos. Também queremos atuar fortemente para levar nossos serviços para novos cooperados, nos tornando referência nas praças onde estamos inseridos. Para isso, realizamos eventos de cunho cultural, esportivo, social e de compartilhamento de experiências no setor, fazendo com que a Cocred esteja cada vez mais presente e que faça diferença na vida das pessoas”, ressalta o diretor.

Em Ribeirão Preto, a nova agência está instalada na Avenida Treze de Maio, 159, no Jardim Paulistano. Além disso, a cidade também conta com mais duas agências da Sicoob Cocred, na Avenida Wladimir Meirelles Ferreira, 1465, no Jardim Botânico.

Equipe pronta e preparada
De nada adianta oferecer uma estrutura de ponta, com o máximo conforto, se tudo isso não vier acompanhado de uma superequipe, capaz de assessorar cooperados em questões financeiras. Por isso, a Sicoob Cocred selecionou um time de colaboradores altamente capacitado para atuar na nova agência de Ribeirão, sob gerência de Luiz Carlos Arroyo, que já possui mais de 40 anos de experiência bancária, sendo seis deles dedicados exclusivamente à Sicoob Cocred. “Preparamos um time de profissionais altamente qualificados com grande experiência no mercado financeiro. Eles estarão disponíveis de segunda à sexta-feira para nossos cooperados, para dar todo o suporte necessário e entender cada caso, oferecendo sempre as melhores opções de crédito com as taxas mais baixas do mercado”, destaca o gerente.

A expertise citada por Arroyo não fica só na agência de Ribeirão. Há quase 50 anos, a Sicoob Cocred trabalha traçando cenários econômicos no mercado financeiro tradicional, com grande destaque também no agribusiness. Prova disso é que, atualmente, cerca de 50% da carteira de crédito da cooperativa é formada pela cadeia do agronegócio com destaque para os segmentos sucroenergético, pecuaristas, produtores das culturas de soja, café, milho e amendoim. Os outros 50% atendem indústrias das mais diversas prestações de serviços e comércio (sem qualquer tipo de restrição quanto ao porte operacional), profissionais liberais, entre outros segmentos da economia.
“A Cocred nasceu do agronegócio, então faz muito sentido que seja referência neste segmento, quando estamos falando sobre finanças e tomadas de crédito para fomentar as lavouras dos produtores do interior de São Paulo”, finaliza Arroyo.

Mais de R$ 3,4 bi em ativos
Em 2018 a Sicoob Cocred também ultrapassou a marca de R$ 3,4 bi em ativos. Até hoje no Brasil, apenas três cooperativas, em meio às quase outras mil que estão no mercado, superaram este valor. A conquista é fruto de anos de muito trabalho e planejamento para tornar produtos e serviços atrativos, afim de conquistar mais cooperados, proporcionando assim o crescimento da instituição.

“Fazer parte de uma cooperativa que só cresce e ainda tem um propósito de dar mais oportunidades às pessoas é muito gratificante. Hoje vivemos em um mercado financeiro dominado por instituições que abusam na cobrança de juros e tarifas, sem retorno nenhum aos seus clientes. Mesmo assim, não deixamos de ganhar nosso espaço, levando soluções aos nossos mais de 35 mil cooperados, sem cobranças de taxas abusivas e atuando de forma justa e sustentável”, destaca o diretor de Negócios.

Gabriel se refere ao modelo de negócios da Sicoob Cocred. Por ser cooperativa, a instituição consegue proporcionar inúmeros benefícios que os bancos convencionais não oferecem. A começar pelas taxas, que são bem menores do que as cobradas pelos bancos, a cooperativa ainda faz a distribuição proporcional de suas sobras. “O que nos bancos é chamado de lucro, no cooperativismo chamamos de sobras. Isso porque todo o resultado positivo da cooperativa retorna para as contas dos nossos cooperados, de forma proporcional, de acordo com suas movimentações ao longo do ano”, explica Pascon.

E não são apenas os diferenciais do cooperativismo que tornam a Sicoob Cocred atrativa para seus associados. Os números possuem histórico crescente, o que dá credibilidade e forte musculatura financeira para a instituição. “A carteira de crédito da Cocred já ultrapassou R$ 2,2 bi, com crescimento de 25,8% nos últimos 12 meses. Esta solidez, somada à gestão qualificada de todo o corpo diretivo, garantiram a nossa boa imagem nos últimos anos. Isso faz com que mais e mais pessoas se tornem associadas, investindo suas economias na cooperativa e, consequentemente, no mundo cooperativista”, ressalta o diretor administrativo e financeiro Cláudio Rodrigues.

Atualmente são mais de 35 mil associados, dos 26 municípios do interior paulista, onde há agências da Sicoob Cocred que acreditam em um mercado financeiro mais justo e igualitário. Juntos, eles detêm R$ 2 bi em depósitos e LCAs, um aumento de 18% nos últimos 12 meses.

“Fazer parte do nosso mundo é querer o bem, é gerar oportunidades de ter acesso a produtos financeiros com preços justos e com um atendimento personalizado. Além disso, quem se torna um cooperado da Cocred também contribui com a sua comunidade, por meio do fortalecimento da economia local”, explica Rodrigues. “Outro ponto importante é que parte dos recursos da cooperativa também retorna para as comunidades onde nossos cooperados residem, em forma de projetos culturais, sociais e esportivos. Isso prova que, com o cooperativismo, todos têm muito a ganhar”, conclui.

Interesse pela comunidade
A proximidade que a Sicoob Cocred possui para com seus cooperados e os projetos citados pelo diretor Cláudio Rodrigues vão ao encontro com um dos princípios do cooperativismo, que é o “Interesse pela Comunidade”. Este princípio dá o direito de as cooperativas investirem em suas comunidades de atuação, por meio de ações com foco sustentável, fomentando o desenvolvimento humano e social.

Com base nisso, desde sua fundação, a Cocred fornece apoio a instituições sociais, além de realizar projetos como Circuito Cultural, Projeto Cantar, Corrida Cooperativa em Dupla e o Antena. “Todos com o objetivo de levar mais qualidade de vida e conhecimento, nas cidades onde são realizados”, diz o diretor administrativo e financeiro.

O Circuito Cultural é um projeto itinerante de incentivo à cultura, que leva arte de qualidade para as cidades em que a Cocred está presente, estreitando os laços com toda a comunidade. Em 2018, o Circuito teve a sua 3ª edição em quatro cidades, com espetáculos que encantaram o público. Além disso, arrecadou alimentos para entidades beneficentes por meio do ingresso solidário. No total, munícipes de Bastos, Lins, Tupã e Morro Agudo arrecadaram mais de 2.800 quilos de alimentos para entidades carentes.
O Cantar é um projeto de iniciação de canto para crianças de 8 a 13 anos, que acontece em Sertãozinho, Viradouro e Ribeirão Preto. Por meio dele, crianças de instituições carentes têm a oportunidade de vivenciar a música em grupo, por meio de Canto Coral. No fim do ano, os grupos se apresentam nas cidades onde são realizados.

Educar, formar e informar é o foco do Antena – um circuito de palestras e debates que leva formadores de opinião da área financeira para discutirem economia e política junto aos associados. Neste projeto, a Cocred ainda incentiva o networking entre grandes empresários e fortalece parcerias bem-sucedidas nos negócios. Em 2018, o evento aconteceu em Ribeirão Preto e Marília, com os debatedores João Borges, Merval Pereira, Alexandre Schwartsman e Eduardo Moreira.

Já a Corrida Cooperativa em Duplaleva o espírito cooperativista até na hora de cruzar a linha de chegada. Isso porque durante todo o percurso, os atletas precisam estar juntos, dando apoio um para o outro. Neste ano, mais de 500 duplas participaram da corrida, que é realizada na cidade de Sertãozinho. Em 2019, a expectativa é que ela seja estendida também para a cidade de Serrana.

mais
Notícias
do setor

Os desafios do plantio 18 de Março 2019

Por: Marino Guerra Fevereiro é época de começar o plantio da cana. Não é o mês de início, pois dependendo da [...]

ler mais

Copercana ativa na pesquisa relacionada ao amendoim 18 de Março 2019

Por: Marino Guerra Um projeto agrícola que prima pela qualidade, como é o de amendoim da Copercana, dificilmente conseguiria atingir os [...]

ler mais

Finalmente a produção mundial de açúcar cairá 18 de Março 2019

Por: Marcos Fava Neves Reflexões dos Fatos e Números do Agro A nova projeção da Conab (Companhia Nacional de Abastecimento) [...]

ler mais

Utilização de micro-organismos na agricultura 18 de Março 2019

Por: Everlon Cid Rigobelo    A agricultura brasileira enfrenta diversos desafios, entre eles podemos destacar a redução do custo de [...]

ler mais

Quer Inovar? Tente algo novo! 18 de Março 2019

 Por: Oswaldo Junqueira Franco   Parece óbvio, não? Mas por incrível que pareça, muitas vezes os gestores de um [...]

ler mais

Modernização na gestão de negócios 15 de Março 2019

Por: Marino Guerra Com a importância que a organização e a agilidade da informação vem ganhando no mundo dos [...]

ler mais

@ 2019 Agronegócios Copercana Todos os direitos reservados