Nunca desliga

Por: Marino Guerra
 
Durante o Congresso Nacional da Bioenergia, o representante da Cerradinho Bio, Unidade Chapadão do Céu, Vinicius Sottoriva, mostrou a estratégia deles de colher cana praticamente o ano inteiro.
 
Nela, a colheita no último trimestre do ano é destinada exclusivamente a socas de idade média e canavial que vai para reforma, o que representa 26% de toda área.
 
Em janeiro a colheita é interrompida, retornando em fevereiro, quando somado a março é focado o corte das socas bisadas, a cana planta de dois verões, planta e soca precoces e início da primeira colheita nas médias, totalizando 13,5% do total anual de corte.
 
A empresa utiliza essa prática com o objetivo de diminuir o seu custo do ativo imobilizado, contudo o profissional mostrou que é importante trabalhar nos solos mais arenosos, isso em razão do melhor tráfego do maquinário durante a época de chuva.
 
+ na Revista Canavieiros
 

mais
Notícias
do setor

COMPROMISSO ASSUMIDO 22 de Outubro 2019

Por: Marino Guerra   Na última sexta-feira a Associação de Engenharia, Arquitetura e Agronomia de Ribeirão Preto, promoveu [...]

ler mais

APARANDO AS ARESTAS 21 de Outubro 2019

Por: Marino Guerra   A Canaoeste promoveu um encontro na última quinta-feira entre produtores fornecedores associados e representantes da Biosev, [...]

ler mais

A REFORMA TRIBUTÁRIA QUE IRÁ MUDAR O CENÁRIO DE [...] 18 de Outubro 2019

Por: Lina Santin: Coordenadora do Núcleo de Estudos Fiscais da Fundação Getúlio Vargas (NEF/FGV) e pesquisadora do Centro de [...]

ler mais

UMA ROTA PARA VENCER A PODRIDÃO ABACAXI 16 de Outubro 2019

Por: Marino Guerra   A podridão abacaxi é uma doença que atinge o canavial, principalmente no período de plantio, onde o [...]

ler mais

CADA GOTA CONTA 16 de Outubro 2019

Por: Marino Guerra   No ano passado, a UPL apresentou ao mercado canavieiro um polímero vegetal prometendo uma hidratação [...]

ler mais

A CONSOLIDAÇÃO DO SENEPOL 11 de Outubro 2019

Por: Marino Guerra   A chegada da raça Senepol ao Brasil trouxe grande expectativa aos pecuaristas nacionais. O fato de ser um gado resistente [...]

ler mais

@ 2019 Agronegócios Copercana Todos os direitos reservados