Açúcar: preços do mercado internacional fecham semana com queda de 24 pontos

Os preços do açúcar no mercado internacional fecharam a semana desvalorizados em 24 pontos na tela maio/18 da bolsa de Nova York, quando comparados aos preços da semana anterior. No vencimento julho/18, a queda foi de 18 pontos no comparativo entre as duas semanas. Nem mesmo a pequena alta ocorrida na última sexta-feira (13), dada as previsões de superávit na oferta mundial de açúcar nas safras 2017/18 e 2018/19, conseguiram frear a crescente desvalorização.
 
"Segundo a FCStone, a oferta mundial (de açúcar) deve registrar um superávit de 6,9 milhões de toneladas em 2017/18. Já o holandês Rabobank estima um excedente de 7,6 milhões de toneladas para o mesmo ciclo - o segundo maior resultado dos últimos dez anos", informou nota publicada pelo jornal Valor Econômico de hoje (16).
 
No vencimento maio/18 da bolsa norte-americana, os preços na última sexta-feira foram firmados em 12.08 centavos de dólar por libra-peso, valorização de três pontos no comparativo com a véspera. Na tela julho/18, os negócios foram fechados em 12.20 centavos de dólar por libra-peso, alta de sete pontos. Os demais contratos subiram entre três e cinco pontos.
 
"Analisando os dados dos últimos 10 anos dos fechamentos diários do contrato de açúcar mais negociado em NY, cobrindo o período de abril de 2008 até final de março de 2018, observamos que em apenas 7.5% dos casos NY encerrou a sessão abaixo dos 12 centavos de dólar por libra-peso. E em apenas 2.3% das vezes encerrou abaixo de 11 centavos de dólar por libra-peso. Mercado abaixo de 10 centavos de dólar por libra-peso foi observado em apenas 0.3% das ocasiões", constatou o diretor da Archer Consulting, Arnaldo Luiz Côrrea, em seu comentário semanal.
 
Em Londres, os preços também fecharam no azul na última sexta-feira. A commodity foi comercializada a US$ 352,60 a tonelada no vencimento maio/18, alta de 3,00 dólares. Os contratos para agosto/18 fecharam em US$ 339,00 a tonelada, aumento de 1,40 dólar. Os demais negócios subiram entre 1,10 e 2,10 dólares.
 
Mercado interno
 
No Brasil, os preços do açúcar fecharam em queda na sexta-feira, após um longo período de alta. Segundo o indicador do Cepea/Esalq, da USP, a saca de 50 quilos do tipo cristal foi vendida a R$ 54,81, retração de 0,83% no comparativo com o dia anterior.

mais
Notícias
do setor

Jogo bruto no comércio internacional 20 de Abril 2018

O Brasil tem uma pequena participação no comércio internacional, bem abaixo de sua dimensão como país em [...]

ler mais

Centro-sul foca em etanol, produzirá 17% menos açúcar em [...] 20 de Abril 2018

A produção de açúcar no centro-sul do Brasil deverá cair 17 por cento na atual safra 2018/19, iniciada neste mês, com [...]

ler mais

Tecnologia na classificação de grãos pode elevar receitas de [...] 20 de Abril 2018

O campo vive atualmente uma série de problemas que afetam produtividade, elevam custos e diminuem a renda dos produtores. Em discussões com [...]

ler mais

Diesel e Gasolina registram alta neste sábado, informa [...] 20 de Abril 2018

Os preços dos combustíveis fósseis, vendidos nas refinarias da Petrobras, terão alta neste sábado (21). O valor do litro da [...]

ler mais

Ainda abaixo dos 12 cts/lb, açúcar tem leve alta na bolsa de [...] 20 de Abril 2018

Os contratos futuros do açúcar na bolsa de Nova York subiram mais uma vez ontem (19), mas permanecem cotados abaixo dos 12 centavos de [...]

ler mais

Safra faz valer a pena abastecer carro com álcool 20 de Abril 2018

O consumidor já está encontrando etanol a menos de R$ 3 na região metropolitana de Belo Horizonte. Em alguns postos, já é [...]

ler mais

@ 2018 Agronegócios Copercana Todos os direitos reservados